Metalúrgicos lamentam morte do trabalhador na Tecumseh

PDFImprimirE-mail

-    NOTA FALECIMENTO   -
Sindicato se solidariza com familiares e amigos e decreta luto oficial de 1 dia.

A Direção do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Ibaté, atráves  da Secretaria de Cidadania, vem a público se manifestar sobre  o acidente ocorrido na Tecumseh  do Brasil,  Planta 1, Fundição, na  última quinta-feira (01/06).  Lamentavelmente o acidente vitimou mais um trabalhador, Ricardo Rodrigues Martins, de 33 anos, sendo assim, o Sindicato se solidariza com familiares e amigos e decreta dia de luto.  

A entidade tem tido uma atuação intransigente na categoria junto as empresas, cobrando o cumprimento das normas de segurança, através da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) e do Coletivo de Saúde do Sindicato, inclusive oferendo Curso de Capacitação gratuito aos trabalhadores, membros da CIPA e interessados. Essa formação tem como  objetivo qualificar a atuação da Comissão, no sentido de Prevenção contra os acidentes.

Segundo o secretário de Cidadania da entidade, trabalhador na Tecumseh, João Tavares, o Sindicato tem procurado atuar na prevenção de acidentes nas empresas de toda a base. “Na Tecumseh não é diferente, temos cobrado investimento por parte da empresa para prevenir não só os acidentes típicos, como também as doenças relacionadas ao trabalho. Nós membros do Coletivo de Saúde da entidade, tomaremos as medidas cabíveis para os esclarecimentos dos fatos desse acidente, e esperamos  que a empresa  cumpra com o seu papel social em assistir a família da vítima”, ressaltou  o dirigente sindical.

O presidente do Sindicato, Erick Silva,  lamentou a morte do trabalhador. “Nada mais lamentável que um trabalhador ou trabalhadora não  retomar pra sua família depois de uma jornada de trabalho. É um absurdo que isso aconteça em qualquer lugar do mundo, é muito triste que seja na  nossa categoria”, ressaltou Erick.

ASSEMBLEIA

Em assembleia realizada nesta sexta-feira (02/06), os metalúrgicos na Tecumseh, se solidarizaram pela morte do companheiro Ricardo.  Como homenagem  atrasaram a entrada do turno e fizeram 1 minuto de silêncio.

Para o vice-presidente do Sindicato, Vanderlei Strano,  trabalhador  na Tecumseh,  o dia de hoje é de muita tristeza para os trabalhadores de toda a base, especialmente na Tecumseh. “O CSE na Tecumseh está de luto pela morte do companheiro Ricardo, lamentamos profundamente  pelo acidente. O clima  na fábrica  é de tristeza, as responsabilidades devem ser apuradas e  as medidas tem de ser tomadas para garantir a segurança de todos, e nós do CSE estaremos cobrando da empresa”, declarou Vanderlei.

Assessoria de Imprensa

 

 


Jornal Metalúrgicos

Inscreva-se

Próximos Eventos

Curta o Sindicato no Facebook

Denuncie ao Sindicato!